18 de mar de 2018

Quando o cabelo virgem quebra no teste de mechas

Razões porque o cabelo virgem pode quebrar no teste de mechas



Olá pessoal tudo bem? Achei pertinente falar sobre esse assunto já que retornei para a química e ainda recebo perguntas sobre troca de química, transição, relaxamentos, e tempos de aplicação nos videos do youtube e aqui no blog.


O normal é que o cabelo virgem ou natural seja mais resistente que um cabelo quimicado, é óbvio. 
Só que nem sempre isso acontece, e pode ser ocasionado por questões orgânicas. 

Estresse, problemas de saúde, anemias, cirurgias, medicamentos, tireóides,  podem enfraquecer o fio causando quebra e queda.
Eu mesma em uma época tive uma crise forte de estresse e ansiedade quando puxei 15 disciplinas  na faculdade no ano de 2016, caiu um bolo de cabelo do lado esquerdo da minha cabeça, e atrás ficou muito ralo. Não havia creme no mundo que desse jeito, não importasse a vitamina que eu tomasse, eu perdia mechas cheias de cabelo, verdadeiros chumaços que davam agonia, fiquei extremamente desgostosa. A única solução foi pisar no freio. Acho que é a primeira vez que conto isso para vocês.

A anemia também é um problema que pode ocasionar quebra de cabelo no teste de mechas, pois o baixo nível de hemoglobina no sangue causa a deficiência não só de ferro, mas também de proteínas, zinco e vitaminas B12, e a carência deles podem ocasionar quedas de cabelo em mulheres e homens. 

E então o fio enfraquece. 

A pessoa muitas vezes nem desconfia que tem anemia, pois a correria do dia-a-dia acaba sendo a desculpa para constantes fraquezas, cansaços e memória fraca.

O risco para uma pessoa com anemia que está em transição por muitos meses e quer trocar de salão, é quando chega o grande dia  no salão novo, ao faz o teste de mechas, o cabelo simplesmente não aguenta e quebra. O resultado é frustração. Pessoal isso aconteceu comigo quando eu sai do beleza natural e entrei em transição pois queria ir para o salão da Elis Gomes, pois estava cansada do descaso do beleza natural com meus cabelos. 
Ao chegar lá e fazer o teste, meu cabelo quebrou. E não pude fazer o relaxamento. Voltei pra casa frustrada. 
Nessa mesma época comecei a me sentir muito mal e após ir no médico, acusou no exame de sangue que eu estava com anemia. Bingo! 
Após isso decidi não fazer mais relaxamento, e voltei para o permanente afro. Nesse meio tempo fiz um resumo de todas as químicas que já usei e a que mais tinha gostado, era o permanente afro.

Cirurgias também podem enfraquecer o cabelo, doenças de figado, etc. 

Então antes de achar que a química é sempre a única vilã por você não ter passado no teste de mechas. Reflita se sua saúde está realmente boa. Existem muitas doenças silenciosas que deixam a pele e o cabelo ressecados, fracos e sem vida.

E sim, acontece de pessoas com cabelo natural, que passaram por transição e abandonaram de vez a química, mas que passam por quedas e quebras, e não devido a carência de cronogramas, mas por carências de vitaminas, ou algum problema de saúde, que as vezes nem sabem que possuem.

Fique alerta! 

Se seu cronograma está em dia, se você cuida dos seus fios com todo carinho, e já usou desde os nacionais até os importados, várias misturas mágicas para tentar recuperar o fio, e mesmo assim continua quebrando sem parar e saindo chumaços. Pode ser sim algum problema orgânico.

Abraços

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários são moderados. Se fez uma pergunta, volte para ler sua resposta
Seu comentário é muito importante!! Então peço que deixe seu nome/url
(identifique-se)

******Atenção críticas construtivas serão aceitas, mas comentários ofensivos serão deletados. O Blog da Preta respeita o leitor, portanto respeite a autora.*******
O art. 5° da constituição federal diz:
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;
V - é assegurado o direito de resposta, proporcional ao agravo, além da indenização por dano material, moral ou à imagem;


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...